Musiquinhas pra esquentar a alma e o coração nesse inverno

Em uma dessas madrugadas frias em que a gente fica na frente do computador, tentando se aquecer em meio a devaneios, me deparei comigo ouvindo Silva e concebendo essa listinha. Então, essa é pra você nessa madrugada fria – ou nesse dia frio ou sempre que precisar de um esforço pra aquecer as mãos, a mente, o coração…

Silva

O Silva tem essa coisa de misturar sua voz macia a uma batida eletrônica e promover o casamento perfeito. Expoente dessa nova fase MPB, o capixaba tem uma discografia aclamadíssima, tendo como último lançamento um tributo à Marisa Monte.  “Moletom”, do seu primeiro álbum – Claridão (2012), foi a música responsável por essa listinha existir, então espero que aqueça a todos vocês como me aqueceu em uma dessas madrugadas. E o clipe ainda tem a Maria Flor, que é uma coisinha fofa demais.

Céu

Maria do Céu!!!!!!! Olha, eu nem sei o que falar dela, honestamente. Faltam palavras no vocabulário da língua portuguesa pra descrever essa mulher. Desde de 2008, quando lançou seu primeiro disco, Céu nos marcou com seu vozeirão e sua malemolência. Em Tropix (2016), um dos melhores álbuns do ano passado, ela só comprova que sua magia é inquebrável e que ela realmente veio pra ficar ao lado de vozes como Cássia, Elis, Gal e Elza, seja fazendo sambinha ou embalada a beats oitentistas. Deixa esse perfume te inebriar e aquecer:

Holger

O que melhor que um cafézinho no frio? Então, assim: café preto + Holger é a fórmula do sucesso. Dona de um som super brasileiro, a banda é sensual-tropical e vai te aquecer e embalar nos dias frios. Aproveita e já escuta o Ilhabela (2012), que é umas masterpieces da música nacional, simplesmente uma delicinha. Não tem como sentir frio. Trust me.

Frida

Agora, uma mensagem positiva – oferecimento da Frida. Eu sou apaixonada por todas as músicas da banda e acho que “Sem Guarda-Chuva” combina com essa playlist porque chega dando uma lembrada dos dias quentinhos. Vai que ajuda a criar a coragem que faltava pra sair debaixo das cobertas e enfrentar o dia… Só cuida se for pra chuvarada sem guarda-chuva, porque cê pode ficar doente.

La Índigo

De musiquinhas que abraçam a La Índigo entende muito bem. A banda acabou de chegar com seu EP de estreia Manantial, que saiu mês passado, e já ganhou um merecido lugar nessa nossa lista. Os quatro fazem um folkzinho com tempero latino, embalado a vocais suaves e belíssimos. Pra playlist, escolhi “Saudade”, porque acho que abraça mais apertado – mas aproveitem e assistam ao clipe do single “Medianeras”, que é demais!

Guri Assis Brasil

Ressaca é um dos meus discos favoritos de 2016 e sempre tento encaixar Guri Assis Brasil entre as minhas playlists, de tanto que gosto de cada uma de suas músicas. Esse sonzinho é um mix de tudo que há de bom – ritmos brasileiros, latinidades, cumbia e sonoridades fronteiriças – e faz bem demais. Não importa o frio que faça lá fora, você vai se balançar com o Guri e se manter aquecido.

Ventre

Ventre é uma das bandas mais brilhantes da #cena e basta dar o play pra entender o porquê. Dizem que o frio é psicológico… Não sei se acredito nisso, porque eu sinto frio pra caramba. Se for mesmo, você vai se esquentar bem rapidinho com o calorzão dessa música. O instrumental desse trio é bom demais, é forte, arrepia – e esse vocal meio sussurado, minha deusa! Faça um favor a si mesmo e já escute o disco homônimo de 2015.

Pra finalizar, fiquem com essa playlist pra se manter quentinho na rua, na chuva, na fazendo, no job, embaixo do cobertor…

Leia também:

Anúncios

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s