Problematizamos o clipe Você Não Presta, da Mallu Magalhães

Tem algo bem errado com o clipe de “Você Não Presta”, da Mallu Magalhães. Aquele que traz a cantora dançando no estilo desengonçada-fofa em meio a um grupo de dançarinos negros, besuntados de óleo, e corpos à mostra, sabe? Ah, o vídeo também tem uma cena polêmica do grupo atrás de um janelão com cara de jaula, sem a Mallu, claro.


Ó o clipe aqui.

Só pela descrição já dava pra identificar o problema. Eu vi, você talvez tenha visto, a internet toda e BuzzFeed também viram. Sabe quem não viu? O diretor do clipe. A própria cantora. A equipe de produção. Quem aprovou o resultado. “Os caras” da gravadora… And so on…

Esse problema não tá no fato(?) de que o mundo anda chato demais. Tá no exato oposto. A falta de empatia.

Quem não é negro, faça aqui um pequeno exercício de se colocar na posição do amiguinho e tente enxergar por que associar o negro a corpos libidinosos, sendo coadjuvantes de uma festa promovida pela cantora ( aqui tá a letra da música), é um problema.

Mas a equipe inteira não viu isso, assim como as agências de publicidade não veem problema em criar um comercial machista. É o típico caso de quem toma as decisões, quem aprova e quem compra a ideia não estarem inseridos no contexto de quem tá vendo e tá se ofendendo. No exemplo das agências isso se dá pela falta de mulheres no núcleo de decisão. No clipe da Mallu, pode ser pela produção inteira (ou quase) ser branca. [Parêntese: pode até não ser, mas acho que é. O diretor pelo menos é. Eu stalkeei e você pode conferir aqui].

Já sobre a cantora em si, particularmente não penso que ela tenha decidido “vou aqui ficar bem bela com a galera ao fundo só pra posar de cool”. Não penso mesmo. Acho que é bem mais grave que isso. É uma inocência de querer dar uma força pra causa, usar da sua plataforma pra promover a “diversidade”, se mostrar sensível a um tema atual – mas não saber como e acabar falhando na execução.

Ela só esqueceu uma coisinha bem importante nesse e em qualquer outro tema social quando discutido, que é o PROTAGONISMO. Usar a galera toda ali só de paisagem é muito close errado. Toda a simbologia que afasta ela dos outros que aparecem na tela é simplesmente lamentável. O diretor deve ter achado genial, poético. A representação de uma pessoa deslocada do clima festivo que rege o clipe. Migos, deslocada mesmo só essa alucinação coletiva de pensar que usar a galera de paisagem era uma boa ideia.

Fica a dica pra quem quer ser engajadão.

Anúncios

3 comentários

  1. 1) não tem teta nem bunda nem perna de fora ali. não tem saltão, collant nem corpo panicat. O que tem é mulher com barriga de “gente como a gente”, tem cabelo afro lindaço ao natural, tem um carinha gender free numa bici maneiríssima. Todos dançando lindos e com as mesmas roupas que a gente vai na padaria!!! Deus, como eu gostaria de ser amigos desses dançarinos pq eles são ótimos, deve ser maravilhoso os role deles. O que nos leva ao:
    2) o clip é de uma cantora desengonçada. Eles são dançarinos. Essa é a diferença e tu mesma deu a resposta: PROTAGONISMO. CARA, É UM CLIP PROTAGONIZADO POR… ELA (?!?!?!) Que paranoia doentia isso de “negro de menos é opressão, negro a mais é abuso”. Ali ta ali cantando, eles tao ali dançando e ganhando destaque no clip dela em muitas partes. Se o clip fosse metade brancos metade negros tu não encontraria nenhum vestígio de injúria racial ou erro de contexto.
    3) qndo um assunto é muito importante pra gente e o dominamos com teorias e exemplos, acabamos vendo o mundo ao nosso redor sob a ótica desse assunto e infelizmente muitas vezes forçamos vê-lo onde não existe. Esse artigo veio do mesmo lugar de onde surgiu aquela chata que ao ver uma bandeira do Japão na Câmara achou que era o comunismo invadindo nossa pátria.
    Menos mimimi mais gente linda dançando.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s