não porque nem sempre

ou ainda, uma quase-resenha do show de rodrigo amarante

rodrigo amarante o cara que canta a flor e o vento, do los hermanos esteve em porto alegre no último sábado, dia 2, para apresentar seu recente trabalho solo, o disco cavalo. e eu estive lá, a menos de um metro dele e das suas calças de barra dobrada, sem nenhuma pessoa gigante pra obstruir a minha visão. o show, um dos últimos da etapa brasileira da turnê, não incluía nenhuma música do los hermanos, apesar dos pedidos ocasionais da plateia. a opção foi feita porque rodrigo quis focar em seu novo álbum. tanto é que, de seus trabalhos anteriores, a única música tocada (até então) foi evaporar, última do disco do little joy e que também encerra o show.

esses pés
esses pés (obrigada pela foto, carols!)

sabendo desse desejo do amarante de mostrar seu novo trabalho, troquei meus devaneios sobre uma possibilidade de ouvir o velho e o moço e primeiro andar no bis, por audições cada vez mais frequentes e concentradas de cada música do cavalo, e elegi mon nom e the ribbon entre as minhas preferidas. além do álbum, rodrigo também decidiu incluir no setlist algumas músicas novas, ou que não entraram no álbum, como um milhão – que, quem viu los hermanos no ano passado já conhecia – dancing – uma das que eu mais gostei – e iddle eyes, a antiga diamond eyes, que faz parte da coletânea love above all – inside the mind of the acid-folk king, feita por devendra banhart para a revista uncut em 2007.

amarante e dev <3
amarante e dev ❤ (obrigada pela foto, carols – parte II) ah sim, isso é um dos vários cases do amarante que foi etiquetado com o nome ‘devendra banhart’

o ápice do show, sem dúvida, foi a dancinha do amarante em hourglass, seguida por maná, cantada a plenos pulmões por todo o opinião. e a homenagem feita a lou reed, um cover de satellite of love, foi emocionante e eu nunca tinha ouvido a música antes. mas, é meio injusto escolher um ápice, e todas as músicas em português foram cantadas a plenos pulmões, inclusive irene, que abriu lindamente o show. rolou também uma comoção com evaporar, que, creio eu, uma galera não estava esperando, e com certeza serviu para consolar os corações machucados com o boato falso sobre a volta do little joy hot danny é um nome tão ruim que eu não sei como acreditei naquilo.

apesar de músicas como condicional serem inesquecíveis, elas não fazem falta no repertório do show. ou eu tive essa impressão por ter gostado tanto do cavalo. o que interessa é que o amarante continua cada dia mais carismático, genial e barbudo. e vai tocar na banda do devendra no próximo dia 18. te vejo lá, rodrigo!

eu que agradeço, rodrigo!
eu que agradeço, rodrigo

ps.: as fotos são de celular. tenho horror daquela gente maluca que fotografa o show inteiro.

psII.: dancing, uma das minhas preferidas:

psIII: versão linda de iddle eyes

psIV: uma entrevista pra se apaixonar e entender um pouco melhora proposta do novo álbum (e porque não rolou condicional)

Anúncios

Um comentário

  1. […] O mundo poderia ser dividido em pessoas que gostam de Los Hermanos e pessoas que não gostam. Se você acha um saco, talvez não entenda porque o disco do Amarante é tão incrível, mas ok. Eu não entendo quase nada de música, especialmente música brasileira e, ainda assim, me senti confortada por cada uma das onze faixas, cantadas em português, inglês e francês. E até o Devendra concorda que Cavalo é um grande disco. Baseado no sentimento de ser estrangeiro, o álbum é o Amarante se procurando como artista. Cavalo é o primeiro trabalho solo dele e, segundo algumas entrevistas, parte de coisas já ditas em músicas como “Primeiro Andar”, “O Velho e o Moço” e “Evaporar” – esta última do Little Joy. Resumindo, Cavalo é um disco pra sentar, dar play e ouvir do início ao fim, sem shuffle ou atividades paralelas. Ps.: além de lindo, muso, barbudo e talentoso, Amarante é simpático e cheiroso também. […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s